Quem somos

Fundação

Dia 14 de Outubro de 2007

Fundadores

68 membros fundadores

1.ª Comissão

Luís Rodrigues, Armando Maçanita, José de Sousa, António Silva e Jorge Frias

N.º de Associados

572 associados

Missão e objectivos da APPSA

  • Promover a sustentabilidade

    Promover a Pesca Submarina e a Apneia, numa lógica de harmonia, entre o direito à sua prática e a preservação das espécies marinhas.

  • Dignificação da pesca submarina

    Promover actividades que visem a dignificação da Pesca Submarina enquanto arte de pesca leal e amiga do ambiente

  • Informar e sensibilizar

    Promover actividades e sessões de formação, sensibilização, informação, estudo e esclarecimento relativamente à Pesca Submarina, à Apneia e a tudo quanto com elas se correlacionam

  • Colaborar

    Colaborar com entidades públicas e privadas em acções que visem a conservação da fauna marinha, em conformação com o direito à prática da Pesca Submarina

  • Defender os interesses da comunidade

    Representar e defender os interesses de todos os associados nas matérias relacionadas com os objectivos da associação

  • Criar sinergias

    Cooperar com outras associações de pescadores e de apneístas, nacionais ou estrangeiras, e entidades oficiais, em tudo o que for de interesse para esta associação e para os objectivos da mesma

  • Apoiar o desenvolvimento

    Realizar, apoiar e participar em manifestações culturais, científicas, desportivas ou festivas que revistam interesse para esta associação

  • Actuar na defesa do ambiente

    Promover e participar em iniciativas relacionadas com as boas práticas de protecção ambiental dos recursos marinhos.

Mensagem do Presidente

Oeiras 15 de Junho de 2016

Caros Associados e companheiros de Mar.

É na qualidade de presidente da direcção da A.P.P.S.A. (Associação Portuguesa de Pesca Submarina e Apneia), eleito na passada Assembleia Geral de 29 de Abril do corrente ano, que vos apresento os meus cumprimentos.

Gostaria de agradecer ao meu amigo José de Sousa, o empenho que teve nestes anos, para levar a cabo todas as funções como presidente desta associação.

Uma imensa dedicação e esforço em prol da comunidade de Pescadores Submarinos e Apneistas com a paixão que nutre por esta actividade. Muitas horas dedicadas aos assuntos que deveríamos ter todos como nossos e com a responsabilidade de avançarmos quando chamados. Com muita pena minha, deixa a direcção, mas estará por perto integrando o Conselho consultivo. Bem hajas Zé e o meu obrigado!

O caminho faz-se caminhando e com a equipa reforçada, tenho a convicção absoluta de que a A.P.P.S.A. continuará a cumprir os seus desígnios e preparada para continuar a defender os interesses dos Pescadores Submarinos e Apneistas.

Novos e difíceis desafios se adivinham e esta paz aparente é muitas vezes camuflada com desenvolvimentos de bastidores que intencionalmente, ou não, acabam por prejudicar a nossa actividade.

O futuro Plano de Ordenamento dos Parques Naturais e a Legislação e a criação de Parques nos Arquipélagos do Açores e da Madeira, prevêem algumas batalhas difíceis que teremos todos que enfrentar brevemente.

É neste sentido que aproveito para apelar ao reforço e à manutenção da nossa Associação. Só com as cotas dos associados em dia e com a entrada de novos sócios é que poderemos ter a solidez e dimensão necessária para discutir ombro a ombro com as diferentes entidades aquilo que julgamos ser justo para as nossas modalidades.

Isto só será possível com a ajuda de todos. Mesmo aqueles que pouco tempo dispensam a um maior empenho nestas lides, devem entender que aquilo que usufruem na actual legislação e zonas de pesca, se deve em tudo, ao esforço dos companheiros de actividade, que marcaram e marcam presença com a sua cota, na continuidade da Associação. A Pesca submarina não vive sozinha, vive das entidades oficiais, F.P.A.S., Associações, Clubes, Marcas, entidades apoiantes e dos praticantes e só todos juntos se levaremos a modalidade a bom porto.

Sei que entre os milhares de Pescadores Submarinos é muito difícil gerar consensos e há e haverá sempre diferenças de opinião mas arrisco dizer que há um tema em que todos estamos de acordo, o nosso AMOR incondicional pelo MAR e pela Pesca Submarina e a vontade de poder ver os nossos descendentes praticar esta modalidade e que a mesma seja reconhecida como sustentável.

Nota-se um crescimento e um maior empenho por parte dos praticantes o que é de saudar. Os Grupos,as provas, encontros e eventos são um bom exemplo de tudo o que de positivo tem a modalidade.

Apelo a todos, como Pescador submarino, que nos unamos, relembrando a importância do que acabei de referir. Como pai de um “pescadorzinho submarino” de 10 anos quero que a Pesca Submarina seja uma modalidade de futuro e com futuro passada de Pai para filho, de geração em geração. É este sentir com o coração a nossa actividade, que faz de nós “pescadores submarinos”. É por esta paixão que devemos ser a primeira linha de defesa ética na protecção do MAR e dos seus Ecossistemas.

Um abraço

Armando Maçanita
Presidente da direcção

Estatutos e Regulamento Interno da APPSA

Órgãos sociais da APPSA

Direcção

Presidente – Armando Maçanita
Vice-Presidente – António Silva
Tesoureiro – Diogo Duarte
1º Secretário – Pedro Costa Santos
2º Secretário – Henrique Borges

Assembleia Geral

Presidente – Rui Patrão
1º Secretário – Pedro Santana
2º Secretário – Miguel Ferreira

Conselho Fiscal

Presidente – Andreia Maçanita
Vice-Presidente – Paulo Martins
Secretário – David Fernandes

Delegações da APPSA

Norte

Delegado – Ricardo Maio

Sul

Delegado – Pedro Silva
Delegado – Matias Sandeck

Madeira

Delegado – Pedro Morna

Açores

Delegado – João Pedro Barreiros 

Delegações da APPSA

Comissão de Eventos

Coordenadora – Andreia Maçanita
Delegado – Paulo Martins
Delegado – Paulo Ferreira
Delegado – Rui Vasco Casimiro
Delegado – João de Castro
Delegado – Tomás Barata
Delegado – Tiago Martins

Informática e Audiovisuais

Paulo Ferreira
Tiago Martins

Conselho Consultivo

Presidente – José Moreira Rato
Conselheiro – José de Sousa
Conselheiro – António Mourinha
Conselheiro – António Luiz Pacheco
Conselheiro – António Bessone Basto
Conselheiro – João Oliveira e Silva
Conselheiro – Rui Torres

Conselho Científico

Presidente – João Pedro Barreiros
Conselheiro – João Boavida
Conselheiro – Dina Salvador

Os nossos parceiros

Junte-se à APPSA

Close Menu